top of page

Mulheres do GDF se mobilizam em campanha de doação de sangue

Iniciativa contou com presença de representantes do Executivo local durante evento no Hemocentro


Na manhã desta terça-feira (6), autoridades e representantes do Governo do Distrito Federal (DF) estiveram presentes no lançamento da campanha Mulheres no Poder Doando Sangue e Salvando Vidas. O projeto é da vice-governadora do DF, Celina Leão, com apoio da Fundação Hemocentro de Brasília.


A vice-governadora Celina Leão fez parte do grupo que abriu a campanha. Foto: George Gianni/ Ascom Vice Governadoria


O objetivo da campanha é promover o empoderamento feminino e enaltecer a força da mulher por meio da doação de sangue. A iniciativa também está em consonância com o Junho Vermelho, mês dedicado à conscientização sobre esse tema.

Neste período, as baixas nos estoques se dão pelo recesso escolar, feriados e alta incidência de doenças respiratórias, condições consideradas um impeditivo para quem quer doar sangue.

Representatividade

Atualmente, o Hemocentro está com estoques baixos de sangue O+, O- e B-. A fundação acolhe doadores de todos os tipos sanguíneos para atingir a meta diária de 180 doações, número considerado ideal para suprir a demanda do DF.

“As mulheres do poder são referências para a sociedade; então, essa campanha tem o objetivo de mobilizar a sociedade por meio dessas mulheres. É uma campanha de amor e de fraternidade, e nós temos que dar o bom exemplo”, afirmou Celina Leão.

Durante o lançamento da campanha, a vice-governadora doou sangue por cerca de seis minutos. “É muito rápido e não dói”, disse. “É um gesto de amor. Estamos muito felizes de estarmos aqui”.

De acordo com a gerente de captação de doadores do Hemocentro, Kelly Barbi, o intuito é fazer alusão a outras lutas femininas. “Nós quisemos reunir a representatividade feminina na política, que ainda não está no ideal, com a campanha de doação de sangue para alavancar as ações femininas”, detalhou.

Iniciativa salva vidas

A primeira-dama do DF, Mayara Noronha Rocha, também marcou presença na campanha. “Estamos prestes a passar por um feriado, e os bancos de sangue tendem a baixar”, lembrou. “Se você tem a possibilidade, faça essa contribuição, faça esse ato constante de doação de sangue”.

A secretária da Mulher, Giselle Ferreira, também fez a sua contribuição durante o evento. “Doar é um gesto de amor”, declarou. “O mundo precisa de pessoas que se doam. Temos que nos unir e fazer a diferença na vida das pessoas”.

A secretária de Desenvolvimento Social, Ana Paula Marra, compareceu ao encontro e afirmou: “Mesmo não podendo doar, fiz questão de estar aqui pela importância do tema. Vamos salvar vidas”.

Apesar de ter sido um evento cujo foco era o público feminino, isso não impediu que o presidente da Câmara Legislativa do DF, Wellington Luiz, fizesse a sua parte. “Estamos extremamente felizes e honrados com esse momento”, disse ele. “É uma iniciativa muito importante. Venham doar. É um processo maravilhoso, não dói e não demora”.


Por Agência Brasília

0 comentário
bottom of page