top of page

Atendimentos do Na Hora do Gama aumentam 50% após reforma

Unidade recebeu investimento de R$ 2,5 milhões e teve entrega simbólica nesta quinta-feira (16)


O Na Hora do Gama foi reformado, e os atendimentos na unidade aumentaram 50%, passando da média diária de 800 para 1.200. Os números foram destacados durante a entrega simbólica da unidade, na manhã desta quinta-feira (16), pela governadora em exercício Celina Leão.

Localizado no Gama Shopping, o posto, que completou 13 anos em janeiro, carecia de uma reforma, que foi feita e contemplou toda a unidade, com a modernização da infraestrutura mobiliária e tecnológica. A copa foi ampliada, com substituição de pia e revestimento das paredes e piso. Armários foram instalados, a rede elétrica passou por uma adequação e o parque tecnológico foi melhorado. Toda essa mudança contou com investimento de R$ 2,5 milhões do Governo do Distrito Federal (GDF).

“Aqui temos uma parceria de sucesso entre a Secretaria de Justiça e Cidadania [Sejus] e o Banco de Brasília [BRB] para atender de forma mais rápida e com mais conforto a população do DF”, declarou a governadora em exercício. “Dobramos os atendimentos e trouxemos o INSS para essa unidade.”


Mais conforto

Com o início das atividades do INSS, a unidade passa a oferecer serviços de 12 órgãos públicos. No Na Hora de Ceilândia, o acesso a serviços de previdência social está disponível desde junho de 2021.

Segundo a Sejus, a unidade do Gama é a sexta a passar por uma reforma. Anteriormente, o trabalho foi feito na Rodoviária do Plano Piloto, em Brazlândia, Ceilândia, no Riacho Fundo e Sobradinho. “É a primeira grande reforma pela qual o Na Hora passa em 20 anos”, ressaltou a titular da Sejus, Marcela Passamani. “Essa é uma entrega para o cidadão. Conseguimos aumentar o atendimento diário, o que mostra respeito à população”.

O presidente do BRB, Paulo Henrique Costa, lembrou que um novo Na Hora traz à população mais serviços e estrutura. “Estamos estabelecendo um novo padrão de mobiliário, de pintura, de serviços”, apontou. “Integramos os sistemas e aumentamos os atendimentos. É uma parceria que aproxima o banco da população”.


Fonte: Agência Brasília.

0 comentário
bottom of page